Dia do Idoso: veja dicas para exercitar o cérebro na quarentena

ONU também aprovou, em 1990, a criação do Dia Internacional do Idoso, celebrado no dia 1 de outubro.

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Casal caminha no calçadão do Leme – Daniel Castelo Branco
A população de idosos têm crescido no Brasil e no mundo, e conforme esse grupo ganha mais espaço na sociedade as estratégias e condutas que as pessoas idosas devem tomar para ter mais qualidade de vida ganham mais importância. Um desses cuidados é o de garantir um bom funcionamento do cérebro, protegendo a memória, raciocínio e outras funções.Para chamar atenção para essa mudança nas sociedades e seus desafios, foi criado, pelo Senado Federal, o Dia Nacional do Idoso, comemorado em 27 de setembro.
No Brasil, por exemplo, é esperado que os idosos sejam quase 30% da população até 2050, e que a partir de 2030 o País tenha mais pessoas acima de 60 anos do que pessoas entre 0 e 14 anos. A expectativa de vida atual, que ainda deve crescer, é de 79,7 anos.
COMPARTILHAR