Juvenal Calixto terá a força de seis partidos nas eleições de novembro

O pré candidato a prefeito de Barra de São Francisco, Juvenal Calixto, que lançou recentemente o seu nome em convenção do Partido Progressista (11), conseguiu nesta quarta-feira (16), aglutinar em torno de sua candidatura seis legendas de considerável poder eleitoral.

Além do PDT que já havia firmado compromisso com a candidatura progressista, juntaram-se em uma coligação na majoritária, o Cidadania, Rede, PMN e PT.

Desta forma, o apoio na majoritária, favorece com que o número de candidatos a vereador seja substancial para propagar o nome do progressista que está realizando um trabalho de diálogo nesta pré campanha.

O presidente do PDT, médico e ex-vereador Aloysio Alves, disse estar muito confiante em alcançar um excelente resultado nas urnas, tendo Juvenal como principal nome da campanha. Com a mesma avaliação João do Óleo que preside o Cidadania, afirma que Juvenal é a melhor opção eleitoral e o melhor para administrar Barra de São Francisco.

O presidente Fernando do Rede, Sargento Quenidio do PMN e Rodrigo do PT, comungam com as mesmas avaliações feitas pelos outros presidentes de legenda, os quais em consenso, optaram pelo nome do candidato progressista, por entender que o mesmo defende a harmonia entre Executivo e Legislativo, é fiel aos compromissos que firma e por manter sempre aberto o diálogo entre os partidos políticos.

Para o candidato progressista Juvenal Calixto, o último dia de prazo para a realização das convenções partidárias, veio recheado de boas surpresas e a confirmação de outras assertivas. “Nós estamos muito satisfeitos com o trabalho feito por nossos companheiros de partido, pelos amigos e por pessoas que defendem os mesmos princípios da ética na política”, destacou Juvenal.

Para ele, o bloco integrado por seis legendas de considerável poder eleitoral, fará com que a campanha deste ano seja mais fortalecida no aspecto de compromissos com os programas de governo, bem como a polarização dará um equilíbrio na disputa.

Bastante agitada, a quarta-feira política foi concorrida em vários aspectos, tendo os presidentes das agremiações partidárias, um intenso movimento de articulações, defesa de idéias e ideais, composições futuras, criação de uma estratégia de campanha e a formação de uma grande chapa de vereadores.

Apoio de Marcelo Firmino

Com o impedimento da candidatura do policial Marcelo Firmino, filiado ao Cidadania, o partido resolveu apoiar o nome de Juvenal Calixto do Progressista, principalmente porque seu principal candidato não estará disputando o pleito de novembro. O próprio Marcelo Firmino esteve no encontro das legendas e destacou essa sua decisão, por entender que será o melhor para o município, para a sua legenda que contará com uma chapa de vereadores, ancorada na candidatura de Juvenal.

Com esta decisão, a candidatura de Juvenal Calixto deverá ser alavancada por um número muito grande de vereadores, senão o maior, se comparado nas mesmas proporções da campanha adversária. Isso devido que as seis legendas que integrarão a possível chapa #Vamos Juntos, preenche cada uma, o número máximo de candidatos a vereador em torno de 20, obedecendo o princípio de 70% (masculino) a 30% (feminino).

Nas últimas eleições municipais, foram apurados 26. 517 votos

  1. Votos Válidos
  2. 24.618 votos 92,84%
  3. Votos em Branco

486 votos 1,83%

4. Votos Nulos

1.413 votos

Candidatos a Vereador eleitos e suplentes

Candidato Partido Situação Votos %
Rafael DEM 1190 4,63%
Zilene do Pisiu PMDB 1050 4,08%
Mulinha PDT 1027 3,99%
Teco Ferreira PSD 1021 3,97%
Emerson Lima DEM 1008 3,92%
Cabo Jonciclé PMDB 916 3,56%
Admilson Brum PRP 859 3,34%
Juvenal Calixto SD 766 2,98%
Huander Boff PSB 741 2,88%
10º Reinaldo Neri PRB 728 2,83%
11º Zé Valdeci PT 688 2,68%
12º Mazinho PMDB 583 2,27%
13º Obedis PMDB 564 2,19%
14º Paulinho PV 547 2,13%
15º Antonio Morais PV 498 1,94%
16º Carlim da Dengue PHS 469 1,82%
COMPARTILHAR