Professora é presa acusada de aplicar golpes em colegas de trabalho em São Mateus

Segundo a polícia, Marinete Santana teve acesso a informações das vítimas e conseguiu pegar empréstimos e receber cartões de crédito em nome delas

Professora foi presa suspeita de aplicar golpes em colegas de trabalho em São Mateus
Foto: Reprodução

Uma professora de matemática foi presa nesta terça-feira (13) em São Mateus, no norte do Estado, suspeita de aplicar golpes em colegas de trabalho. De acordo com a polícia, apenas no último golpe, Marinete Santana, de 33 anos, roubou cerca de R$ 150 mil.

A acusada foi detida no balneário de Guriri. Segundo a polícia, Marinete conseguiu pegar empréstimos e receber cartões de crédito em nome de outros professores de São Mateus. Ela teria tido acesso a informações dos colegas de trabalho e realizava as transações com os dados deles.

Por conta das denúncias, a Justiça expediu um mandado de prisão contra a professora, que dava aulas de matemática no município e tem curso de pós-graduação. O mandado foi cumprido nesta terça e a acusada foi levada para o Centro de Detenção Provisória de São Mateus.

 

 

Fonte: Folha Vitória

COMPARTILHAR